Advogados

« Voltar

Alexei Bonamin

Alexei Bonamin

Áreas de atuação

Mercado de Capitais, Bancário e Operações Financeiras, Infraestrutura, Agronegócios, Defesa e Aeroespacial, Fintech, Private Equity e Venture Capital

Informações de contato

Unidade: São Paulo
Telefone: (55 11) 5086-5179

Vcard

Experiência Profissional

Com atuação desde 1996 nas áreas de Mercado de Capitais e de Bancário e Operações Financeiras, Alexei possui expertise em ofertas públicas, emissões internacionais, operações financeiras estruturadas, securitização, financiamentos, fundos de investimento, compliance financeiro, derivativos e regulação de instituições financeiras.

Reconhecimento:

É reconhecido em relevantes guias jurídicos internacionais como Chambers Latin America, Chambers  GlobalThe Legal 500, Latin Lawyer 250Who’s Who Legal, Expert Guides - Rising Stars (Capital Markets), IFLR - Rising Star (Banking and Private Equity). Sócio responsável em TozziniFreire Advogados pelos casos vencedores do Latin Finance Deals of the Year, em 2017 na categoria Corporate High-Yield Bond, e em 2015 na categoria Structured Finance; e pelo caso vencedor do The American Lawyer Global Legal Awards 2016 na categoria Aviation Finance. Advogado responsável por assessorar o BNY Mellon no project finance da EMBRAPORT (Empresa Brasileira de Terminais Portuários S.A.), o qual foi eleito: (i) Americas Awards 2012, Project Finance Deal of the Year, pela publicação IFLR; (ii) Project Finance Deal of the Year 2012, pela publicação Latin Lawyer; (iii) Americas Transport Deal of the Year 2012, pela publicação Project Finance International; e (iv) Latin America Transport Deal of the Year 2012, pela publicação Euromoney Project Finance.

Idiomas:

  • Inglês

Formação acadêmica:

  • LL.M. em Banking and Finance pela The London School of Economics and Political Science, em 2002.
  • Graduado em Direito pela PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), em 1999.

Atividades adicionais:

  • CCEP (Certified Compliance and Ethics Professional) pela SCCE (Society of Corporate Compliance and Ethics).
  • Website Officer do IBA (International Bar Association) - Capital Markets Fórum.
  • Membro dos GTs (Grupos de Trabalho) de Títulos Verdes, de Finanças Verdes e de Instrumentos Financeiros e Investimentos de Impacto do LAB (Laboratório de Inovação Financeira), criado pelo BID, ABDE e CVM.
  • Professor de Fundos de Investimento na GVlaw (programa de pós-graduação da Fundação Getulio Vargas).
  • Professor de Mercado de Capitais da ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais).

Publicações:

  • Artigo "Is a Delaware LLC the Answer to Address Risks of Personal Liability in Private Equity Investments in Brazil?" (coautor), da seção The Journal of Private Equity, Summer 2017. New York: Institutional Investor Journals, 2017.
  • Capítulo "Banking Regulation in Brazil: Overview" (coautor), do livro Practical Law International Banking Regulation Guide. Londres: Thomson Reuters, 2017.
  • Capítulo "Private Equity, Venture Capital and Investment Funds" (coautor), publicado na 2ª edição do livro Brazilian Commercial Law. Londres: Kluwer Law International, 2015.
  • Capítulo "Agricultural Law in Brazil: Overview" (coautor), do livro Global Agricultural Law. Londres: Sweet & Maxwell/Thomson Reuters, 2015.
  • Publicação Estrutura Legal dos Fundos de Private Equity e Venture Capital no Brasil (coautor), da Associação Brasileira de Private Equity & Venture Capital (ABVCAP), fevereiro de 2014.
  • Capítulo "Brazil" (coautor), da publicação Getting the Deal Through Banking Regulation. Londres: Global Competition Review, 2014.
  • Livro Investment Funds - Banking & Financial Services (coautor). European Lawyer, Thomson Reuters, 2013.
  • Investing Across Borders (coautor), da International Finance Corporation, 2010.
  • Capítulo "New Self-Regulation Code on Public Offers in Brazil", da publicação International Company and Commercial Law Review. Sweet & Maxwell, 2006.
  • Livro Public-Private Partnerships in Brazil (coautor). São Paulo: Editora Observador Legal, 2005.
  • Artigo "E-Banking in Brazil", da publicação International Internet Law Review, n. 12, 2001.

« Voltar